1,5ºC

um alarmante relatório foi divulgado hoje pelo órgão intergovernamental sobre mudanças climáticas (IPCC), que faz parte do painel científico da ONU sobre a mudança do clima.

realizado a pedido dos líderes mundiais unidos sob o acordo de paris e contando com a ajuda de 91 cientistas de 40 países que analisaram mais de seis mil estudos científicos, o documento descreve um mundo no qual a escassez de comida e os incêndios nas matas se agravarão e recifes de corais morrerão em escala maciça já em 2040, traçando um panorama muito mais severo sobre as consequências imediatas da mudança no clima do que se imaginava anteriormente.

os autores do relatório constataram que, se as emissões dos gases causadores do efeito estufa continuarem ao ritmo atual, a atmosfera vai se aquecer em pelo menos 1,5ºC (e não 2ºC como estimava-se antes) em relação ao nível vigente na era pré-industrial até 2040, causando a inundação de áreas costeiras e intensificando as secas e a pobreza.

além disso, o texto afirma que os eua , acompanhados por bangladesh, china, egito, filipinas, índia, indonésia, japão e vietnã, abrigam 50 milhões de pessoas que estarão expostas aos efeitos das inundações costeiras mais graves em 2040, caso ocorra o aquecimento de 1,5ºC.

já com aquecimento de 2ºC, o relatório prevê "evacuação desproporcionalmente rápida" de pessoas, nos trópicos, sendo que "em algumas partes do planeta, fronteiras nacionais se tornarão irrelevantes".

assunto sério que devemos acompanhar!

saiba mais

https://nacoesunidas.org/acao/mudanca-climatica/

post mais antigo